Lei Direto






Novidades


Ir para artigo:

Presidência da República
Casa Civil
Subchefia para Assuntos Jurídicos

LEI No 10.403, DE 8 DE JANEIRO DE 2002.

Mensagem de veto

Altera as Leis nos 8.212 e 8.213, ambas de 24 de julho de 1991.

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Art. 1o A Lei 8.212, de 24 de julho de 1991, passa a vigorar com as seguintes alterações:

"Art. 12. ........................................................

........................................................

V - ........................................................

........................................................

c) o ministro de confissão religiosa e o membro de instituto de vida consagrada, de congregação ou de ordem religiosa;

........................................................"(NR)

"Art. 32. ........................................................

........................................................

V – (VETADO)

........................................................"(NR)

Art. 2o A Lei 8.213, de 24 de julho de 1991, passa a vigorar com as seguintes alterações:

"Art. 11. ........................................................

........................................................

V - ........................................................

........................................................

c) o ministro de confissão religiosa e o membro de instituto de vida consagrada, de congregação ou de ordem religiosa;

........................................................"(NR)

"Art. 17. ........................................................

§ 1o Incumbe ao dependente promover a sua inscrição quando do requerimento do benefício a que estiver habilitado.

........................................................"(NR)

"Art. 29-A. O INSS utilizará, para fins de cálculo do salário-de-benefício, as informações constantes no Cadastro Nacional de Informações Sociais - CNIS sobre as remunerações dos segurados.

§ 1o O INSS terá até 180 (cento e oitenta) dias, contados a partir da solicitação do pedido, para fornecer ao segurado as informações previstas no caput deste artigo.

§ 2o O segurado poderá, a qualquer momento, solicitar a retificação das informações constantes no CNIS, com a apresentação de documentos comprobatórios sobre o período divergente."

Art. 3o Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.

Brasília, 8 de janeiro de 2002; 181o da Independência e 114o da República.

FERNANDO HENRIQUE CARDOSO
Roberto Brant

Este texto não substitui o publicado no D.O.U. de9.1.2002

Comentários

Seu Comentário

Nome:


E-mail (não será publicado):


Site (opcional):


Título (opcional):


Comentário:


Repita o código acima:

Receber novos comentários por e-mail?
Sim Não

Área de Acesso



Dados

0 Comentários

Sem Nota

Avalie

Flávia Micael escreveu:
sobre a Lei 11442

Tenho uma HR 2013/2014 e estou agregando a uma empresa para realizar serviços de fretes. Qual o t...

ANA CLAUDIA escreveu:
sobre a Lei 9696

COMO FICA A SITUAÇAO DE ACADEMIA COM DOIS ANDARES,O 1ºCOM PARTE DA MUSCULAÇAO E O OUTRO DE AEROBICOS...

Maria A. Smiderle escreveu:
sobre a Lei 8059

Meu pai, hoje com 94 anos, serviu no RJ, no período de 1941 a 1945, sendo treinado para ir à Itália,...

maria escreveu:
sobre a Lei 10048

Ate quando uma mulher pode ser considerada lactante? E se ela trabalha e fica o dia todo fora e o be...

Vitor Bomfim escreveu:
sobre a Medida Provisória 2225

Tenho 64 anos, estou aposentado há cinco meses, posso requerer o meu retorno, caso positivo, qual se...